Abre portas no próximo dia 9 de maio a primeira loja da história da Meta, a dona do Facebook e do Instagram. Se ainda existissem dúvidas sobre o empenho do grupo fundado por Mark Zuckerberg em fazer do hardware uma peça central no negócio da Meta, esta aposta parece querer acabar com elas. Ali vão ser mostradas as apostas da Meta em diferentes tipos de dispositivos. Todos vão poder ser experimentados, alguns vão também poder ser comprados.

A loja está instalada no campus da empresa em Burlingame, na Califórnia e as experiências interativas vão ser uma das grandes apostas, admite a empresa na nota divulgada sobre o assunto. Quem por lá passar vai poder fazer videochamadas com o sistema Portal, integrado em dispositivos lançados pela marca nos últimos dois anos. Ver as potencialidades dos óculos lançados pela marca em parceria com a Ray-Ban, ou descobrir a realidade virtual.

Aqui, a empresa preparou uma demo imersiva com os Quest 2, animada por um ecrã de parede, que vai ajudar a mostrar a gama de conteúdos e acessórios que hoje já existem para o sistema de RV, exibindo o conteúdo que também pode ser visto com o headset. No fim da experiência será criado um vídeo de 20 segundos em realidade mista para o utilizador, que poderá partilhá-lo com o mundo e, já agora, ajudar a divulgar esta nova aposta de Zuckerberg.

"Depois de experimentarem a tecnologia, as pessoas podem ter uma melhor opinião sobre ela. Se fizermos bem o nosso trabalho, as pessoas vão sair daqui a dizer aos seus amigos: "Têm de ir ver a Meta Store", acredita Martin Gilliard, responsável da loja. O mesmo responsável admite que a loja, e o feedback de quem a visitar, vão ser fundamentais para definir a futura estratégia da marca no retalho.

O espaço tem 1.550 metros quadrados e também servirá para aproximar os utilizadores dos progressos que a empresa for fazendo no Metaverso. Para já, ainda não se sabe como, mas provavelmente criando experiências que ajudarão a mostrar o potencial do mundo virtual que Mark Zuckerberg está empenhado em promover, ou mesmo liderar.

Ray-Ban Stories: Facebook revela ao mundo os seus novos óculos inteligentes
Ray-Ban Stories: Facebook revela ao mundo os seus novos óculos inteligentes
Ver artigo

"A Meta Store vai ajudar as pessoas a fazerem uma ligação à forma como os nossos produtos podem ser a porta de entrada para o metaverso no futuro. Não vamos vender o metaverso na nossa loja, mas esperamos que as pessoas de lá saiam a saber um pouco mais sobre como os nossos produtos vão ajudá-las a ligar-se a ele".

Quem passar pela primeira loja física da Meta, que vinha sendo antecipada por alguns rumores já desde o ano passado, pode comprar os Quest 2 e acessórios para o headset, bem como dispositivos Portal. Os Ray-ban Stories podem ser encomendados a partir da loja, mas a compra só pode ser feita com a marca de óculos.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.