A Google anunciou a chegada de um novo botão aos seus serviços online que dá aos utilizadores na Europa a possibilidade de rejeitar cookies. A mudança surge após a CNIL, a autoridade de proteção de dados na França, ter multado a gigante tecnológica em 150 milhões de euros, numa decisão que também envolveu a Meta, casa-mãe do Facebook.

Após uma investigação, a CNIL chegou à conclusão de que os websites da Google não permitiam “aos utilizadores recusar o uso de cookies de uma maneira tão fácil como é aceitá-los”. A empresa tinha um prazo de três meses para atualizar os seus sistemas de modo a estarem em conformidade com a lei.

No seu blog oficial, a Google afirma que, tendo em conta a decisão da CNIL, alterou à sua abordagem em relação aos cookies nos seus websites na Europa, implementando mudanças na sua estrutura.

Google passa a ter botão para rejeitar todas as cookies na Europa
créditos: Google

A atualização já começou a ser implementada no YouTube na França e, em breve, qualquer utilizador europeu que visite o motor de busca e YouTube sem estar ligado à sua conta Google, ou no modo de navegação anónima, verá a nova opção que permite recusar os cookies.

A Google acredita que as mudanças realizadas, que se vão aplicar a todos os países do Espaço Económico Europeu, além do Reino Unido e Suíça, estão em linha com as direções das entidades reguladoras europeias, assim como com os seus objetivos para “ajudar a construir um futuro mais sustentável para a Internet”.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.