Se receber uma mensagem de um amigo a enviar uma mensagem sem grande sentido, a dizer “Olha o que eu encontrei” com emojis, é porque o mesmo foi infetado com malware conhecido como “quatro palavras”. Não deve assim clicar no endereço para evitar que seja também uma vítima de phishing.

A melhor maneira de se proteger é ter consciência que este tipo de mensagens pode surgir de qualquer um dos seus contactos do Facebook, sejam amigos próximos e família ou mesmo conhecidos com quem não fala há anos. Assim, se essa mensagem vier de alguém que conhece deve contactá-lo diretamente por telefone ou outro meio e perceber se o mesmo está a par do que enviou. Esse alerta é importante para que o mesmo tome as respetivas medidas de proteção.

Veja na galeria exemplos das mensagens e como evitá-las

Por outro lado, deve ignorar, apagar imediatamente a mensagem e se possível reportá-la ao Facebook. Os especialistas em cibersegurança deixam algumas dicas práticas para remover o vírus do Messenger. Em primeiro lugar, o mais básico é mudar rapidamente a password da sua conta do Facebook e se não quiser arriscar, ative a segurança de dois fatores. Se tiver dúvida pode consultar um How to TEK dedicado ao tema.

Deve também verificar se tem aplicações suspeitas instaladas, que por sua vez utilizam as credenciais de autenticação do Facebook. Para saber quais as aplicações ou serviços agregados à sua conta, clique nas definições do Facebook e procure a opção Apps e Sites. Vai ter acesso à lista daqueles que usou as credenciais do Facebook para se registar. Elimine todos os que não usa ou que não conhece, mas sobretudo os que lhe pareçam suspeitos.

Recebeu esta mensagem no Messenger de um amigo do Facebook? Não abra
Recebeu esta mensagem no Messenger de um amigo do Facebook? Não abra
Ver artigo

Outra forma de pesquisar se está afetado ou pelo menos informá-lo de possíveis ataques é utilizar uma aplicação de antivírus para smartphones. A app dfndr security: antivírus é referida como capaz de verificar e limpar os vírus do Facebook e conta com uma média de 4,5 estrelas na Play Store, numa avaliação de mais de 6 milhões de utilizadores. A ferramenta manda alertas ao utilizador sobre mensagens com links suspeitos.

Também pode verificar se mais alguém entrou na sua conta ou os equipamentos usados no acesso à mesma. Entre em Definições e Privacidade, escolha Definições e na barra da esquerda a opção Segurança e Início de Sessão. Verifique se o smartphone e o computador corresponde ao local e identificação do equipamento.

Se vir uma ligação de um país ou localidade que sabe que não visitou é um sinal de alerta e deve então proteger-se. Nesse caso, clique nos três pontinhos ao lado da ligação e assinale que não foi quem se conectou. O Facebook vai assim desligar a conta e fornecer-lhe os passos necessários para recuperar a conta, entre elas o reconhecimento de contactos, por exemplo. Também pode escolher a opção de desconectar todas as sessões ativas com a sua conta.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.