Os programadores já podem começar a desenvolver aplicações para o novo sistema de realidade estendida da Apple, o Vision Pro, apresentado pela empresa recentemente, na sua conferência anual. Em breve vão também poder testar essas apps no dispositivo de duas formas distintas.

O kit de desenvolvido (SDK) do sistema operativo que suportará o headset, o visionOS, ficou disponível esta quarta-feira. Como sublinha a Apple, integra as ferramentas necessárias para que a comunidade possa começar a “projetar experiências de apps totalmente inéditas para as mais diversas categorias”.

Uma vez que o Vision Pro só começa a ser vendido em 2024, testar os desenvolvimentos feitos entretanto, para lá do simulador disponibilizado, poderia ser o único problema para tirar ainda mais partido do kit, mas não será, porque a empresa tem alternativas na manga.

A partir de julho, a Apple começa a aceitar inscrições de interessados em receber o kit de hardware para programadores do visionOS, que inclui o headset. A empresa vai também instalar laboratórios em várias cidades, onde os programadores podem testar os seus desenvolvimentos e ainda contar com o apoio de técnicos da Apple. Estão previstos laboratórios deste tipo, a abrir portas também já no mês de julho, em Cupertino, onde está a sede da Apple, Londres, Munique, Xangai, Singapura e Tóquio.

Veja as imagens do Vision Pro

Na nota divulgada, a Apple explica ainda que os programadores vão poder usar os mesmos frameworks que já são usados para outras plataformas da marca, nos desenvolvimentos para o Vision Pro, como Xcode, SwiftUI, RealityKit, ARKit e TestFlight.

Vision Pro: Apple pode replicar o “momento iPhone” no mercado de Realidade Aumentada?
Vision Pro: Apple pode replicar o “momento iPhone” no mercado de Realidade Aumentada?
Ver artigo

A estas juntam-se novas ferramentas e tecnologias, como o Reality Composer Pro, que vai ajudar a otimizar conteúdo 3D para aplicações e jogos do visionOS, permitindo a visualização e aprimoramento de modelos 3D, animações, imagens e sons, até chegar à fórmula final ideal para os Vision Pro.

O Vision Pro é o primeiro grande lançamento da empresa liderada por Tim Cook na última década. São a primeira versão dos headsets de realidade estendida da marca para o novo universo da "computação espacial", como a marca lhe chama. Os primeiros modelos só vão chegar a alguns mercados e a um preço que rondará os 3.500 euros.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.