São conhecidos os premiados da 12ª edição dos Business Awards, organizados pelo Department for International Trade em Portugal, que visam distinguir as empresas portuguesas que investiram no Reino Unido, mas também as organizações britânicas que tiveram sucesso em Portugal ao longo dos últimos três anos. Ao todo foram premiadas 11 empresas portuguesas, que investiram no Reino Unido e distinguidas 23 britânicas pelo investimento no nosso país.

Os Business Awards são considerados como um marco de reconhecimento da capacidade empresarial das organizações de atingir a internacionalização. A equipa da Embaixada Britânica em Lisboa (DIT) apoiou 33 projetos de investimento durante os últimos três anos. Como resultado fora estabelecidas empresas, feitas aquisições ou participações em empresas, assim como expansões de investimentos já existentes.

O total, foi feito um investimento de cerca de 677,1 milhões de euros, dando origem a 399 postos de trabalho nos diversos sectores: energias renováveis, tecnologia digital, indústria criativa, sector alimentar, farmacêutica e saúde.

Olhando para as edições anteriores, em 2019 foram distinguidas a Sogrape com o prémio Investment Expansion e a MindProber com o Internacional Expansion. Em 2020 a Tekever e a iLof receberam as respetivas distinções. Nesse ano foram também distinguidas a FairJourney Biologics com o prémio Investment e a Tuki como Global Entrepreneur pela sua participação no Global Entrepreneur Programme do DIT.

Em 2021, os novos premiados foram a EDP com o Investiment Expansion, a Greenvolt com o prémio Investiment. A Didimo e a Bring Global foram distinguidas com o prémio Internacional Expansion. E por fim, a Critical Software recebeu o prémio Significant Investor, um reconhecimento pela sua expansão em 2019 e 2020, assim como o seu percurso de crescimento no mercado britânico nos últimos 15 anos.

A organização dos prémios refere que as 23 empresas britânicas a operar em Portugal que foram distinguidas, fazem parte de um grupo de organizações apoiadas pela DIT em Lisboa nos últimos três anos. As empresas somam um volume de cerca de 752 milhões de euros em exportações de produtos e serviços em diversos sectores. E um investimento global em Portugal de cerca de 1,5 mil milhões de euros.

Neste âmbito, foram premiadas a Arrow Global Portugal, a Babcock, a Bonhams, a Ebury, a EthOss Regeneration, a Leonardo, a Paysafe Group, a Revolut, a Round Hill Capital e a Savills na categoria de Business Development. Destacando a importância da inovação científica, a AstraZeneca Portugal, a Frontier IP Group - AquaInSilico e a GSK Portugal foram premiadas na categoria Innovation and Business Development.

No investimento direto em Portugal, a Aethel Partners, a Arrow Global Portugal, a Inspired Education, a Finastra, a Glennmont Partners, a NextEnergy Capital e a Pioneer Point Partners LLP receberam o prémio de Overseas Direct Investment. Foram também reconhecidas as empresas que se estrearam no mercado português, com a BJSS, a ELEVEN, a Fieldwork Robotics e a HENSOLDT UK a receberem o prémio New to Market.

“Enquanto Comissário para o Comércio na Europa, esta visita a Portugal permitiu-me conhecer melhor a comunidade local de empresas e representantes da indústria, para ouvir em primeira-mão sobre os desafios e oportunidades que irão definir os próximos tempos. E temos todos os motivos para estar otimistas” referiu Chris Barton, Comissário para o Comércio na Europa na entrega dos prémios.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.