A Amazon alega que Donald Trump, o presidente dos Estados Unidos, terá exercido pressão contra a Amazon Web Services, a plataforma de computação na Cloud oferecida pela empresa, no Pentágono, impedindo-a de vencer um contrato de 10 mil milhões de dólares. Em questão está o concurso público Joint Enterprise Defense Infrastructure (JEDI) de modernização dos sistemas informáticos do Departamento de Defesa norte-americano ganho pela Microsoft em outubro deste ano.

A queixa apresentada pela Amazon ao Tribunal Federal de Reclamações dos EUA neste ano foi tornada pública pelo jornal Washington Post a 9 de dezembro. De acordo com o documento, a empresa defende que Donald Trump “usou o seu poder” para afastá-la do contrato “como parte de uma vingança pessoal e altamente mediatizada contra Jeff Bezos, fundador e CEO da Amazon, da AWS e dono do Washington Post”, realizando “repetidos ataques públicos e de «bastidores»”.

“O erro do Departamento de Defesa norte-americano é simultaneamente difícil de compreender e impossível de distanciar da persistência do Presidente norte-americano em «lixar a Amazon», nas suas próprias palavras”, indica a queixa realizada pela tecnológica. Recorde-se que, mesmo antes de assumir seu cargo atual, Donald Trump tinha já deixado clara a sua posição em relação à empresa liderada por Jeff Bezos. Em julho deste ano, altura em que a Amazon parecia estar à frente no concurso público, o Presidente terá ameaçado intervir no processo de escolha da organização que lideraria o JEDI, tal como noticiou o New York Times.

O Departamento de Defesa norte-americano negou qualquer “influência exterior” na decisão por trás do processo de escolha do concurso público. De acordo com Elissa Smith, porta-voz do Pentágono, numa declaração prestada à CNBC, esteve nas mãos de “uma equipa especializada de funcionários públicos e oficiais militares”. Não obstante, a Amazon pede ao Pentágono que cancele o atual programa e “reavalie as propostas apresentadas de forma justa”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.