O sistema de emparelhamento rápido da Google, o Fast Pair, tem vindo a ganhar abrangência. Como a empresa já tinha referido, o plano é permitir que um leque cada vez maior de dispositivos possam ser emparelhados facilmente via Bluetooth com o software da fabricante. Primeiro com smartphones Android, em breve o Chrome OS e na calha também com TVs com Android e automóveis.

Google I/O: Android 13, Pixel Watch e smartphone Pixel 7. E não faltou a confirmação do smartphone dobrável
Google I/O: Android 13, Pixel Watch e smartphone Pixel 7. E não faltou a confirmação do smartphone dobrável
Ver artigo

A última atualização de software da Google revela mais um passo no mesmo sentido e desbloqueia o suporte à funcionalidade para relógios inteligentes com Wear OS. Na informação que partilha sobre as novidades das atualizações do sistema Google, a empresa explica que o “Fast Pair no Wear OS vai permitir a descoberta de auscultadores previamente emparelhados e ligados a wearables”.

Isto deve também permitir, por exemplo, que os auscultadores emparelhados com o smartphone Android sejam automaticamente sincronizados com o relógio inteligente, já que o Fast Pair guarda a informação dos acessórios ligados à conta Google. Assim, se os phones suportarem ligação a vários dispositivos em simultâneo o Fast Pair vai assegurar uma alternância rápida entre as duas fontes de áudio, antecipa o site Tudo Celular.

A opção só ficará disponível com a versão 22.24 dos serviços Google Play, lançada no dia 24 de junho, e falta também saber que equipamentos com Wear OS, o sistema operativo da Google para wearables, será compatível com o Fast Pair. O Pixel Watch, que ainda não foi lançado e que será o primeiro relógio inteligente da Google, provavelmente será um deles. O site 9to5Google, que descobriu a informação, acredita que a novidade está também a preparar o terreno para os novos Pixel Buds Pro, tendo em conta a descrição de funcionalidades na página do produto.

Os Pixel Buds Pro - tal como o Pixel Watch - foram confirmados na conferência da Google do mês passado. Os auriculares vão permitir 11 horas de utilização contínua e integrar um sistema de cancelamento de ruído e um modo Transparência que permitirá manter a perceção do som envolvente para segurança do utilizador.

Poderão ser usados para receber indicações do Google Maps ou fazer traduções em tempo real. Vão suportar som espacial e o sistema Find my phone, para serem encontrados onde estiverem. Chegam às lojas a 21 de julho por 200 dólares, em quatro cores. Já o relógio só estará disponível mais para o final do ano.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.